Confederação Brasileira de Tiro Prático

Notícias

CONFIRA AQUI AS PROPOSTAS FEITAS E CUMPRIDAS PELO PRESIDENTE DA CBTP EM SUA CAMPANHA DURANTE O QUADRIÊNIO 2014 A 2017

Publicado: Sexta, 03 de Novembro de 2017, 00h:00m | Última Atualização: Sexta, 03 de Novembro de 2017, 13h:15m
COMUNICAÇÃO CBTP
CONFIRA AQUI AS PROPOSTAS FEITAS E CUMPRIDAS PELO PRESIDENTE DA CBTP EM SUA CAMPANHA DURANTE O QUADRIÊNIO 2014 A 2017

Quando Demetrius Oliveira decidiu se candidatar a Presidente da Confederação Brasileira de Tiro Prático foi apresentada diversas propostas que beneficiassem o Tiro Prático no Brasil e também seus atletas.

Fazendo um balanço do que foi proposto em novembro de 2013, podemos concluir que o atual Presidente da CBTP conseguiu cumprir cerca de 95% do que prometeu.

Acompanhe abaixo o que já foi realizado durante o mandato do Presidente Demetrius Oliveira:

  1. Novo sistema integrado de controle dos associados via web, cadastro e atualização, atualização do ranking e das classes nas diversas modalidades administradas, assinatura digital, histórico dos eventos para efeito de consulta e declaração de participação, diversos formatos de declarações para os fins de regularidade, participação, pleito e prestação de contas ao programa “Bolsa Atleta”, convocação para eventos nacionais e internacionais;
  2. Incentivo na Formação de Jovens Talentos, busca de novos atiradores, cursos de formação de instrutores Black Badge, formação de Range Officer (NROI e IROA), apoio às equipes internacionais, uniforme escolhido em votação online;
  3. Participação de seminários junto ao Exército Brasileiro, possibilitando a devida orientação às entidades (Clubes e Federações) e também aos atiradores, tomando ações para solução das questões levantadas junto a DFPC e RM´s;
  4. Debates sobre Leis Estaduais sobre Incentivo Fiscal ao Esporte, Ações para utilização dos recursos da Nova Lei Pelé, Projetos para obtenção de verba Federal para o apoio às equipes, bem como aos eventos internacionais, Audiência com Ministro de Estado do Esporte sobre os projetos de incentivo ao Esporte Amador;
  5. Balancete financeiro: transparência através de relatório dos recursos arrecadados e das despesas realizadas, fundo de reserva para o apoio às equipes, fundo ROs, programa de arrecadação junto às Federações para que apresentem todos os seus filiados conforme determina os nossos estatutos.
  6. Relatório Institucional sobre as atividades exercidas, parcerias, reuniões, seja com os associados, indústrias do segmento, Exército Brasileiro, órgãos de fiscalização, e secretarias de esporte e lazer;
  7. Desenvolvimento das diretorias de instrutores de tiro, diretoria de arbitragem, assessoria de comunicação, diretoria jurídica, sendo:

- Instrutores: Foi iniciado o desenvolvimento e criação de procedimentos para o credenciamento de instrutores de tiro (Black Badge), com o incentivo a formação de novos atiradores e a reciclagem dos antigos, focando no manuseio seguro com armas de fogo e no conhecimento das regras;

- Arbitragem: Continuidade ao excelente trabalho que vem sendo desenvolvido, com um programa cada vez mais focado no credenciamento de novos RO´s, IROA´s e NROI´s, dentre a reciclagem dos demais;

- Comunicação: releases de todos os eventos nacionais para a publicação em redes sociais e sites, matérias sobre reuniões, ofícios, mídia, vídeos, etc;

- Jurídico: assessoria jurídica, reestruturação estatutária, pareceres e ofícios técnicos, consultas e propostas sobre normas que envolvem as atividades com produtos controlados.

  1. Mundiais: Mundiais de Handgun 2014 e 2017, Pan-americano 2015, Latin 2017, Shotgun e Rifle 2017 e IHMSA com a organização da Delegação Brasileira, Criação de novo design para uniformes (vários modelos para votação e escolha pelos atiradores via web), material para treinamento, parceria com agências de viagens para garantir melhor valor ao atleta, chefe de delegação para apoiar a equipe de atletas.
  2. Estreitamento de laços com as entidades e CACs através de enquetes e ouvidorias, demonstrando assim o quanto é importante a opinião e a participação de todos para valorizar ainda mais o esporte;
  3. Premiação do campeonato de armas longas com medalhas e troféus com designer distintos das demais etapas.

Tudo isso foi alcançado durante quase quatro anos à frente da CBTP. Foram grandes conquistas obtidas junto ao Exército Brasileiro, a CBTP sempre defendendo o direito do atleta e buscando através de reuniões, simpósios e seminários ainda mais conhecimento para agregar ao esporte. Além disso, temos também um destaque especial para a nomeação do Presidente como Membro do Conselho Consultivo do SisFPC, o que permitiu o empenho de esforços para garantir melhorias ao Tiro Prático.

Já em relação a fomentação do esporte destacamos as reuniões com a ANAC onde foram apresentadas as dificuldades que os atletas enfrentam durante embarques nacionais e internacionais com armas de fogo e munições. Esses encontros são essenciais para adquirir maiores orientações e esclarecimentos quanto a este assunto, para que assim todos tenham ainda mais segurança e também agilidade neste processo de despacho de armas de fogo e munições.

Outra conquista e também muito honrada foi a premiação da CBTP pelo 3º lugar geral como o país que mais promoveu o desenvolvimento da IPSC no mundo, recebida durante a cerimônia de abertura do Campeonato Mundial da França, em Chateauroux.

Ainda há muito a ser alcançado e com a colaboração de todos os filiados, a certeza da conquista de nosso objetivo é certa.

Este trabalho não é fácil, por isso estamos nos propondo, pela competência, conhecimento de causa e força de trabalho de toda a nossa Equipe.

 

Obrigado a todos, e até breve!

 

Um forte abraço,

 

Demetrius Oliveira

Presidente CBTP – Diretor Regional IPSC

Membro do Conselho Consultivo do SisFPC – COLOG-DFPC