Confederação Brasileira de Tiro Prático

Notícias

BLUMENAU RECEBE I ETAPA DO CAMPEONATO BRASILEIRO E OPEN INTERNACIONAL DE HANDGUN E PISTOL CALIBER CARBINE.

Publicado: Terça, 26 de Março de 2019, 11h:40m | Última Atualização: Terça, 26 de Março de 2019, 14h:53m
COMUNICAÇÃO CBTP
BLUMENAU RECEBE I ETAPA DO CAMPEONATO BRASILEIRO E OPEN INTERNACIONAL DE HANDGUN E PISTOL CALIBER CARBINE.

 

Blumenau recebe I etapa do Campeonato Brasileiro e Open Internacional de Handgun e Pistol Caliber Carbine.

O evento aconteceu entre os dias 21 e 24 de março no clube Blumenau de Caça e Tiro Desportivo.  Foram 15 pistas, cerca de 380 atletas inscritos e aproximadamente 115 mil disparos no final de semana. 

Os atletas puderam participar, além do tradicional Handgun da nova modalidade aprovada pela IPSC: Pistol Caliber Carbine. Uma novidade para o ano de 2019 que em muito agradou os atletas.

A cerimônia de abertura teve início por volta de 06:30 da manhã.  A Bandeira do Brasil foi hasteada pelo Tenente Coronel da Polícia Militar de SC, Sr. Jefferson Shmitt, em conjunto com as Bandeiras da CBTP pelo Presidente Sr. Demetrius Oliveira, da IPSC pelo Sr. Márcio Passold, do Clube Blumenau de Caça e Tiro Desportivo pelo Sr. Jesiel Evandro e do Estado de Santa Catarina pelo Sr. Andrey Zanella.

O presidente do Clube Blumenau de Caça e Tiro Esportivo, Jesiel Evandro, deu início aos discursos. Logo após foi a vez do Presidente da Federação Catarinense de Tiro prático, Andrey Zanella seguido pelo Presidente da CBTP, Sr. Demetrius Oliveira.

Em seu discurso, o Sr. Demetrius fez questão de agradecer os agentes da Polícia Federal, em especial a Delegada da Policia Federal (Chefe e.e DFP/SC) Dra. Luciana de Castro Ribeiro e aos agentes Sr. Átila e Sr. Lichesck, que atendendo ao pedido da CBTP, estiveram de plantão na delegacia da PF no Aeroporto de Navegantes. Tudo isso para facilitar e agilizar o embarque dos atletas que foram competir nessa etapa.

Demetrius falou ainda sobre todo o trabalho realizado pela CBTP durante o ano e as propostas para esse próximo ano. Falou sobre sua substituição no conselho consultivo do SisFPC pelo Dr. Eurico Auler e agradeceu a dedicação e empenho de toda a diretoria que, de forma voluntária, vem realizando um árduo trabalho em prol do esporte no país e no mundo.

O presidente da CBTP, que fica no cargo até o ano de 2021, lembrou aos atletas que ano que vem teremos o mundial de Handgun na Tailândia. Por isso a corrida pelas primeiras colocações será acirrada esse ano e precisará da dedicação de todos os atletas. 

 CONFIRA O DISCURSO DO PRESIDENTE NA ÍNTEGRA

Márcio Gabriel (AM) foi Vice Campeão Overall 2018 e se diz surpreso com o resultado dessa etapa (2ºlugar – 91,03%): Na verdade esse resultado foi uma surpresa tendo em vista que não tocava em arma a 4 meses e meio. Esse ano tentarei ir a todas as etapas do campeonato, pois meu anseio é compor a equipe Open no Mundial de 2020, por isso espero ter bons resultados. Tenho certeza que esse ano será um marco pra mim já que sediaremos (Clube ACTAO) a 4ª etapa em Manaus. 

Márcio Gabriel agradeceu ainda o apoio da CBTP e do Presidente: Agradeço a CBTP, na pessoa do seu presidente Demetrius, que durante essa prova de Blumenau foi muito solícito em ajudar e aconselhar em algumas dúvidas que tive!!!”

O atleta e instrutor de tiro, Guilherme Scotti (PR), foi campeão Brasileiro da Production Optics em 2018 e também ressalta sobre a expectativa de representar o Brasil no Mundial de 2021 e também de algumas dificuldades que encontrou nessa etapa do Brasileiro: “ Como a cada 3 anos nós temos a seletiva para o mundial esse ano, a gente tá trabalhando pra conseguir essa vaga na equipe Brasileira, entre os 4 melhores atiradores da divisão production optics do ano pra representar o Brasil no Mundial. Quanto a essa etapa, eu atirei ontem (sexta-feira) e infelizmente algumas normas não foram cumpridas pela organização. Não foi por falta de solicitação por e-mails, mensagens e ligações que eu fiz pra organização da prova, e a gente teve alguns problemas com ausência de contrastes em várias pistas. Eu também falei com outros atletas que tiveram dificuldade na pintura dos metais e várias coisas. Mas isso é um detalhe eu creio que com vontade e determinação o pessoal consegue resolver e esperamos que nas próximas etapas, onde estarei presente em todas este ano, tudo transcorra naturalmente e da melhor forma possível. Gostaria de agradecer a todo o pessoal da CBTP de ter me dado essa oportunidade de esta dando o meu depoimento aqui. Um abraço a todos e ótimos tiros.”

A CBTP agradece o empenho e a presença de todos os atletas.

Nos vemos nas próximas etapas. DVC!!!

 

Confira aqui as fotos dessa etapa!