Confederação Brasileira de Tiro Prático

ARBITRAGEM - CERTIFICAÇÃO NROI

Processo de Formação de Range Officials, Chief Range Officials e Range Masters - CBTP/NROI BRASIL

 

ROs Range Officers

Pré-requisitos

  • O candidato deve ser um competidor;
  • Idade mínima 18 anos;
  • Ser filiado a CBTP e estar em dia;
  • Recomendação de um Clube ou Federação;
  • Ser aprovado em prova oral sobre as regras com um RM ou um CRO ativo. Após a aprovação o RM ou CRO envia um documento formal para a NROI sobre a capacitação do aspirante e solicitação do inicio do treinamento. Atenção: O Aspirante pode estudar sozinho o manual e fazer esse teste antes de fazer o curso. A prova oral será aplicada mesmo se ele já tiver o curso.

 Sendo aprovado receberá um cartão com número NROI e o Rank de RO Provisional  - Range Officer Provisional. RO Provisional  estará sempre em pistas com um RO supervisionador.

 Durante pelo menos 1 ano ele tem que atuar como aprendiz sob a supervisão de ROs NROI e acumular 15 pontos (em provas pelo menos Nível II, sendo obrigatório 1 nível III). Em casos excepcionais 8 pontos nível III. O cartão é preenchido normalmente e assinado pelo RM ou MD.

 Recomendamos um estágio no Cronógrafo e/ou um estágio no MSS ( Stats ).

 O RO supervisionador deverá fazer um breve relatório da atuação do RO Provisional. A cada prova e entregar ao RO Provisional  com data e assinatura. Recomenda-se que o RO Provisional  utilize o modelo fornecido para esse fim. O relatório deve conter:

Identificação do RO/CRO/RM Avaliador (Nome, No. NROI, Assinatura).

  • Identificação do RO Provisional
  • Identificação da Prova e Data
  • Resposta do questionário acima e Breve Relato da atuação do RO com os Pontos relevantes aprendidos e/ou demonstrados (usar o verso da folha).

 Durante esse período ele deve fazer o curso Nível I e obter o certificado, mas só receberá o rank RO após cumprir os pontos supervisionados necessários. (tem 2 anos para completar o processo.).

 Após o curso nível I, ele será avaliado por um CRO quanto aos aspectos práticos (posicionamento, comandos de pista, deslocamento, manutenção da pista, comando do squad e espectadores, atenção à segurança, etc.) em uma prova nível II ou superior. O CRO enviará a avaliação diretamente para a NROI no endereço nroi@cbtp.org.br

 Ao final do período de avaliação ele envia em formato eletrônico: 

  • Cartão de pontuação NROI preenchido e assinado para a NROI e
  • Todos os relatórios feitos pelos ROs e/ou CROs e/ou RMs.

 Um e-mail será enviado a todos os ROs Ativos sobre o aspirante que será promovido a RO.

 Não havendo objeções do corpo de ROs Ativos. O RO Provisional  ganha o rank RO e entra para o quadro de árbitros regulares. Os pontos de Competições serão computados normalmente.

 

 CRO – Chief Range Officer

 Critérios obrigatórios para os indicados: 

  • Ser filiados e estar em dia para com a CBTP; e
  • Ter participado de seminário IROA ou NROI nível I e ser aprovado;
  • Ser RO para pleitear o Rank de CRO;
  • Ter pelo menos 30 pontos em provas nível III;
  • Ser indicado por escrito pela Federação de origem;
  • Ser indicado por escrito por um CRO, RM ou Regional Director;
  • Participar de seminário IROA ou NROI nível II e ser aprovado. 

 

O Range Officer após a realização do Curso Nível II deverá antes de receber o rank de CRO:

  • Obter 6 pontos em provas nível III ou superior atuando com CRO auxiliar e supervisionado por um CRO ou RM certificado. O CRO ou RM supervisionador deverá realizar um relatório sobre a atuação do RO aspirante a CRO com um breve relato de sua atuação e seu parecer a respeito do CRO e enviar diretamente para nroi@cbtp.org.br
  • Projetar e obter o sancionamento de pelo menos 1 prova nível III.
  • Após a realização dos itens anteriores com sucesso receberá o rank de CRO. O CRO terá até 2 anos para completar este processo.

 

RM  – Range Master  

 Critérios obrigatórios para os indicados : 

  • Ser filiados e estar em dia para com a CBTP; e
  • Ter participado de seminário IROA ou NROI nível I e II ser aprovado;
  • Ser CRO para pleitear o Rank de RM;
  • Ter pelo menos 80 pontos em provas nível III;
  • Ser indicado por escrito pela Federação de origem;
  • Ser indicado por escrito por um RM e Regional Director.
  • Participar de seminário IROA ou NROI para Range Masters.

 O Chief Range Officer após a realização do seminário para Range Masters deverá antes de receber o rank de RM: 

  • Obter 6 pontos em provas nível III ou superior atuando com RM auxiliar indicado e supervisionado por um RM certificado. O RM supervisionador deverá realizar um relatório sobre a atuação do CRO aspirante a RM com um breve relato de sua atuação e seu parecer a respeito do CRO e enviar diretamente para nroi@cbtp.org.br
  • Projetar e obter o sancionamento de pelo menos 2 provas nível III.
  • Gerenciar com sucesso a montagem e operação de uma prova nível III como RM indicado. A organização da competição deverá enviar um relatório sobre atuação do RM e seu parecer diretamente para nroi@cbtp.org.br
  • Após a realização dos itens anteriores com sucesso receberá o rank de RM. O CRO terá 2 anos para completar este processo.

 SO - Stats Officer  

 Critérios obrigatórios para os indicados : 

  • Ser filiados e estar em dia para com a CBTP, e ser RO ativo;
  • Ter bons conhecimento de Tecnologia da Informação;
  • Ter pelo menos 15 pontos em provas nível III como RO;
  • Ser indicado por escrito pela Federação de origem;
  • Ser indicado por escrito por um Stats Officer e Regional Director;
  • Participar de seminário para Stats Officer ou ter experiência equivalente com pelo menos 24 pontos trabalhando em provas nível II ou III como Stats Officer Auxiliar. 

 O Range Officer após a realização do seminário Stats Officer ou comprovação de experiência equivalente deverá antes de receber o rank de SO: 

  • Obter 9 pontos em provas nível III ou superior atuando com Stats auxiliar e supervisionado por um SO certificado. O SO supervisionador deverá realizar um relatório sobre a atuação do RO aspirante a SO com um breve relato de sua atuação e seu parecer a respeito do RO aspirante e enviar diretamente para nroi@cbtp.org.br
  • Trabalhar em 1 prova nivel III como Stats Officer principal.
  • Após a realização dos itens anteriores com sucesso receberá o rank de SO. 

Manutenção do Rank RO, CRO, SO e RM 

  • Obter 6 pontos durante o ano. Participar em pelo menos 1 competição nível II por ano. 

ROs inativos até 1 ano: 

  •  Solicitar emissão de cartão NROI;
  • Trabalhar com supervisionamento em 1 (uma) prova nível III e ser aprovado pelo RO NROI supervisionador. A NROI será comunicada formalmente deste estágio;
  • Obter 6 pontos durante o ano.

 ROs inativos a mais de 2 anos até 4 anos: 

  •  Solicitar emissão de cartão NROI;
  • Será considerado RSO até atingir 9  pontos supervisionados em prova nivel II ou III.  Ao final do processo ganhará novamente seu Rank de RO;
  • Consulta a base de ROs se todos aprovam o seu retorno;
  •  Ele não perderá os pontos obtidos durante sua carreira.

  ROs inativos a mais de 4 anos: 

  • Prova Oral feita por um CRO ou diretamente pela NROI sobre o regulamento atual;
  • O CRO deverá enviar relatório da prova oral para nroi@cbtp.org.br;
  • Todos os requisitos do item C.

 Instrutores NROI

 Habilitação e manutenção da condição de Instrutor de Range Officer  Nivel I

 Exigências: 

  • Ser CRO ou RM NROI ativo a pelo menos 2 anos;
  • Participação em Seminário de formação de Instrutor Nível I, ministrado pela IROA;
  • Fazer manutenção anual ( mínimo de 9 (nove) pontos em competições nível III ou superior). 
  • Ministrar pelo menos (1) um seminário nível I, por ano;
  • Obter pelo menos 7,0 na avaliação de reação das turmas;
  • Ser nomeado pelo Regional Director e/ou Presidente da CBTP;
  • Os itens acima, serão observados durante o ano corrente, para qualificar o instrutor para o seguinte.

 Habilitação e manutenção da condição de Instrutor de Range Officer  Nivel II

 Exigências: 

  • Ser CRO ou RM NROI ativo a pelo menos 2 anos;
  • Ser Instrutor Nível I;
  • Participação em Seminário de formação de Instrutor Nível II, ministrado pela IROA;
  • Fazer manutenção anual ( mínimo de 9 (nove) pontos em competições nível III ou superior );
  • Ministrar pelo menos (1) um seminário nível II  por ano;
  • Obter pelo menos 7,0 na avaliação de reação das turmas;
  • Ser nomeado pelo Regional Director e/ou Presidente da CBTP;
  • Os itens acima, serão observados durante o ano corrente, para qualificar o instrutor para o seguinte.